Destrinchando POSCAS!

Fonte: Choco Design

Criatividade é o limite quando se trabalha com esse tipo de ferramenta versátil e prática.

Muitos ilustradores têm discutido sobre colorização com canetas e marcadores, suas marcas, tipos e principalmente preços. Marcadores dão um toque tradicional aos seus trabalhos, sem contar o apelo lúdico e nostálgico que trazem. Com isso, é quase impossível acabar não falando de POSCAS… Quais cores, pontas ou modelos eu devo comprar para começar as minhas ilustrações e, quem sabe, usá-las em alguns freelas?

Bom, vou falar sobre cada pincel, com minha recomendação pessoal e aplicação, espero ajudar na sua escolha de material. Se você está querendo testar algo novo, misturar cores e exercitar a criatividade, essa é a minha dica!

As POSCAS são marcadores à base de água, que servem para quaisquer superfícies, elas não são tóxicas, tudo sem álcool ou solventes. Sua cobertura é bem opaca e ela fixa muito bem em qualquer superfície, dá para pintar de uma tela a uma parede tranquilamente, pois ela é permanente em superfícies porosas, removível sobre o vidro e, quando usada em papel, sua secagem é extremamente rápida.

2

 

Geralmente, POSCAS são usadas para doodles ou painéis com muitos elementos, devido a sua grande gama de cores e pontas, que combinam traços firmes, quadrados ou mesmo alternando na pressão. E isso é um bocado viciante, você vai querer os tons em variadas pontas para diferentes aplicações, acaba se tornando um vício de colecionador.
Mas vamos falar das diferenças de cada ponta e como usá-las. São 17 cores na ponta mais fina (0,7 mm) e as variações vão diminuindo até 8 cores na ponta mais grossa (15 mm). Basicamente, a POSCA tem 4 modelos:

pc-17k

PC – 17K: é a ponta mais grossa das POSCAS, geralmente usada para grandes preenchimentos e telas maiores, uma ponta extra larga de fixação perfeita. Como a maioria das canetas, possui um sistema em que você agita bastante a tinta e aperta a ponta, para que ela mergulhe na parte de dentro, trazendo a tinta. Diferente, não?
Ela solta bastante tinta, eu acho a mais gostosa de desenhar. Quando agitar, sempre tampe para não jorrar tinta para fora da ponta.

pc-8k

PC – 8K: sua ponta é triangular e chanfrada, familiar para quem já usa pena ou tinta para desenhar. Se você girá-la enquanto traça, consegue alternar entre um traco grosso e reto para um acabamento mais fino e uniforme, traçando curvas nítidas. É a ponta mais recomendada para paredes ou street-art. É a POSCA mais popular e comum de se ver por aí.

pc-5m

PC-5M: distribui bem a tinta e é a mais comum entre ilustradores. É a que se costuma usar em telas e em áreas que não têm tantos detalhes.

pc-1mr

PC-1MR: tem a ponta mais delicada das POSCAS. Tem cores brilhantes e metálicas que dão um acabamento mais fino aos trabalhos e a ponta extra fina calibra muito bem o volume de tinta.

 

7352

O POSCA pincel

Além das pontas comuns de caneta, o POSCA de ponta em pincel (PCF-350) é um marcador para alcançar cantos que os restantes não conseguem. Para quem curte pintura em tela, o POSCA pincel proporciona tudo que um pincel comum tem, sem os inconvenientes. Muito utilizado também na aplicação de cores em esculturas e em superfícies mais dificilmente acessíveis.

Algumas considerações pessoais:
– Além das variações que as canetas já te proporcionam, ainda dá para fazer várias brincadeiras, como usar cotonetes para espalhar e esfumaçar uma cor por cima de outra ou usar uma caneta gasta para fazer efeitos de borrões ou degradês. como o David Tevenal  faz.
– Se você quer rascunhar todo o desenho e colorir depois, esqueça, a tinta vai cobrir tudo mesmo. Eu recomendo você fazer todas as cores primeiro e, por último, finalizar com os contornos pretos.
– Se você quer saber quais comprar primeiro, esse vídeo pode te ajudar um pouco.
– Mantenha uma folha de rascunho para regular o nível de tinta e a umidade da ponta.
– Dá para misturar as cores, sim, só que, depois, você vai precisar remover a ponta da caneta e lavá-la. Você também pode sobrepor cores tranquilamente, até cores claras sobre cores escuras.

Bom, essa foi a minha experiência com POSCAS, pessoal. Eu recomendo bastante. Abraço e boa diversão!