Quando o Gueto Diz Amém

A princípio, o fanático religioso e o pichador são figuras extremamente opostas no cenário brasileiro. Um defende a superioridade moral e vive silenciosamente pela palavra de Deus. O outro vive a vida de forma agressiva e é conhecido por desfigurar a propriedade pública, transmitindo mensagens que devem ser “visualizadas em voz alta”.

Mas, aproxime-os e você verá que eles não são tão diferentes. Os dois têm a necessidade de se expressar e serem ouvidos (por Deus, através de santos, ou pela sociedade, através das paredes). Em ambos os casos, sem qualquer garantia de retorno.

O artista plástico Joao Unzer representou essa proximidade de forma brilhante e belíssima. Se liga:

joao-3

joao-4

joao-5

joao-6

joao-7

joao-1

joao-2