ZINE

1 de novembro de 2018 ARTISTA EM DESTAQUE

Sem meio-termo

“Minha arte é a mais pura definição do que sou e de tudo que sei. Nela está presente todo o meu universo, tudo que acredito e sobre tudo, tudo o que eu quero dizer.” Tony Zanon é artista gráfico, ilustrador com 22 anos de carreira e tem formação acadêmica em Desenho Industrial.

O carioca se inspira nos estilos das histórias em quadrinhos, pop art, arte urbana, doodles, zentangles, muito grafismo, entre outras pegadas. Sua arte é resultado de uma grande mistura de técnicas e ela se define a partir do contraste do preto e branco.

A formação profissional de Zanon se deu nas agências de publicidade, produtoras, sites e meios de comunicação. Ele já realizou trabalhos para jornais, revistas, rádios, sites, livros, CD’s e todos os tipos de mídias visuais. O artista também participou de várias mostras de arte e exposições como “Araka”, “Cais”, “Arte de portas abertas”, entre outras do cenário underground do Rio de Janeiro.

Para ele, não existe meio-termo. Zanon é um artista inquieto, questionador, conceitual e adora mexer com o imaginário das pessoas. Para conferir mais trabalhos, acesse o Instagram.